Notícias

Procon solicita apoio da ATM para resolver problemas de telefonia no Tocantins

29/05/2019 - Thaise Marques/Governo do Tocantins

Com o objetivo de resolver as demandas apresentadas pelos consumidores e melhorar os serviços de telefonia no Estado, o superintendente do Procon Tocantins, Walter Viana, reuniu com o presidente da Associação Tocantinense dos Municípios (ATM), Jaime Mariano.

Na ocasião, o gestor estadual explicou que o Procon tem recebido diversas reclamações das operados de telefonia referente a má qualidade na prestação de serviços nos municípios referente a dados móveis, internet, falha no sinal, entre outros.

“Viemos buscar o apoio institucional no sentido pedir que os prefeitos se manifestem referente aos serviços prestados em seus municípios. Pois são constantes as reclamações de telefonia que o Procon têm recebido. Nossos consumidores tocantinenses estão sendo lesados. Em alguns casos ficam até incomunicáveis”, explicou Viana.

O presidente da ATM, Jaime Mariano, ressaltou que esta também é uma preocupação da Associação e comprometeu a atender a solicitação do Procon. “Solicitaremos que os prefeitos enviem as informações o quanto antes, para que as operadoras realizem de maneira eficaz a prestação de serviços públicos em geral”, destacou Mariano.

Claro

No último dia 9 de maio, foi publicado no Diário Oficial do Estado (DOE),  a Portaria N° 002 estabelecendo a abertura de processo coletivo contra a operadora de telefonia Claro S.A, em virtude da má prestação de serviço de telefonia celular e internet da empresa nos municípios Lavandeira, Combinado, Conceição do Tocantins e em Araguaína.

A Claro é a operadora responsável em alguns destes municípios, pela cobertura de telefonia e internet. As principais reclamações são falha no sinal, sinal fraco, dificuldade de comunicação, isolamento, interrupção dos serviços de telefonia e internet por até dois dias consecutivos, impossibilidade de efetuar ou receber chamadas e, os dados móveis.