Crediário

Não aprovação do crediário

As Financeiras podem aprovar, ou não, os créditos solicitados pelos consumidores, de acordo com normas e critérios próprios.

Porém, com base no Código de Defesa do Consumidor, que estabelece como direito básico o da Informação, o consumidor tem direito de conhecer os motivos da não aprovação da proposta. Caso não concorde com os critérios, deverá recorrer judicialmente.